segunda-feira, 18 de maio de 2009

Cerveja versus sapato. As percepções de cada um...

Recebi este vídeo pela internet e gostei bastante. Obrigado, Michelle!
Ele pode ser utilizado para entendermos as diversas percepções que cada pessoa tem sobre determinado assunto ou sobre o que julga relevante e importante.
O melhor do vídeo é que trata de cerveja!! Não poderia ser melhor!!
Será que assintindo ao vídeo, a mulherada (que não é tão fã assim de cerveja), e, especificamente, a minha, consegue entender o sentimento envolvido??

video

Com certeza, cerveja é muito melhor do que sapato!! Todos concordam?

sexta-feira, 15 de maio de 2009

WORKSHOP PRODUÇÃO DE CERVEJA ARTESANAL EM JOINVILLE/SC

A Associação dos Cervejeiros Artesanais de SC (ACervA Catarinense) promove no próximo dia 30 de maio, na Cidadela Cultural Antarctica, na bela cidade de Joinville, Santa Catarina, o Workshop Produção de Cerveja Artesanal".

O "Workshop Produção de Cerveja Artesanal, faz parte de um circuito regional iniciado em 2007 e trata-se de uma iniciativa da ACervA Catarinense, com o apoio de entidades municipais e estaduais, cervejarias e empresas do setor, e tem por objetivo difundir e aprimorar o conhecimento das técnicas para produção de cerveja artesanal no estado de Santa Catarina, além de contribuir para a divulgação e o fortalecimento da cultura cervejeira no Brasil" (http://www.workshopcervejeiro.com.br/).
Segue a programação do evento:
- Produção de uma cerveja artesanal na técnica all grain;
- Produção de uma cerveja artesanal utilizando um kit de extrato de malte importado, conduzida com a colaboração de membros da ACervA Paranaense;
- Visitação guiada às antigas instalações da fábrica da Antarctica, com a participação especial de um de seus mais importante mestres-cervejeiros ainda em atividade, o Sr. Curt Zastrow, atual mestre-cervejeiro da microcervejaria ZeHn Bier de Brusque;
- Palestras técnicas e culturais à respeito do universo da cerveja apresentadas por profissionais e convidados especiais como: Sr. Elmar Schmitz, mestre-cervejeiro da microcervejaria OPA Bier de Joinville; Sr. Cláudio Zastrow, mestre-cervejeiro da microcervejaria Schornstein de Pomerode; Sr. Paulo Bertiol (Feijão), cervejólogo e autor do blog especializado oBIERcevando;
- Degustação de cervejas artesanais produzidas e oferecidas tanto por cervejeiros participantes, como, sobretudo, pela microcervejaria OPA Bier;
- Exposição de produtos, matérias-primas e equipamentos artesanais;
- Sorteio de brindes cervejeiros;
- Comercialização de suvenires.

Maiores informações e inscrições, acessar: http://www.workshopcervejeiro.com.br/ .
.

sexta-feira, 1 de maio de 2009

Pão de banana


Imagem: Dos autores do <www.paoecerveja.blogspot.com>

A receita original “Pão de Banana” é do livro “Pães: 145 opções de pães doces e salgados” da editora Online, a qual sofreu algumas modificações em virtude das medidas dos ingredientes. Depois que adquiri uma balança (digital que mede de 1 em 1 grama), estou viciado em pesar tudo que utilizo. Afinal, para a repetição e padronização da receita, as medições das quantidades dos ingredientes são importantes.
.

Imagem: Dos autores do <www.paoecerveja.blogspot.com>

Segue a receita modificada em gramas (também segue uma equivalência aproximada em medidas caseiras: 1 xícara de chá = 200 ml; uma colher de chá = 5 ml):

Pão de Banana

Ingredientes:
- 270 g de farinha de trigo (aproximadamente 2 xícaras de chá);
- 160 g de açúcar (aproximadamente 1 xícara de chá);
- 10 g de fermento químico (aproximadamente 1 colher de sopa);
- 2 g de sal (aproximadamente 2 colheres de chá);
- 200 g de bananas maduras sem casca amassadas (aproximadamente 1 xícara de chá ou aproximadamente três bananas médias);
- 100 g de óleo de soja (aproximadamente ½ xícara de chá);
- 100 g de ovo (aproximadamente dois ovos);
- Óleo de soja para untar a(s) forma(s);

Modo de Preparo:
- Misture todos os sólidos (trigo, açúcar, fermento e sal); -Acrescente as bananas amassadas e misture até incorporá-las à massa.
- Acrescente os ovos, incorporando-os à massa;
- Acrescente o óleo e misture-o até incorporá-lo;
- Colocar a massa até a metade do volume da(s) forma(s), que deve estar previamente untada com óleo de soja. Os pães geralmente dobram de volume após o cozimento.
- Assar em forno pré-aquecido a 200ºC por aproximadamente 40 minutos ou até dourar.


Imagem: Dos autores do <www.paoecerveja.blogspot.com>

Os pães apresentaram-se muito saborosos, diferente de outros pães de banana que já havia degustado, por não ter um sabor tão acentuado da fruta. Fiz a receita com banana branca e com banana caturra e os resultados são semelhantes, ou seja, muito bons. Para o pão ficar mais branco, pois a banana dá um tom escuro à massa, assar o pão logo após a homogeneização de todos os ingredientes. Quanto mais a massa demora a ir ao forno, mais ela escurecendo, pela oxidação da banana, e mais escuro ficará o pão.

Imagem: Dos autores do <www.paoecerveja.blogspot.com>

Observações:
1) A mistura antes da adição das bananas é seca, com aparência de farofa, porém vai mudando de aspecto, tornando-se mole;
2) Ao término da incorporação dos ovos, a massa está meio mole e parece até que não necessitará do óleo;
3) Aparentemente quando se mistura o óleo à massa, a quantidade parece excessiva, porém misturando-o bem, consegue-se incorporá-lo integralmente à massa;
4) Com esta quantidade de massa, é possível fazer um pão utilizando uma forma com furo no meio com 22 cm de diâmetro ou uma forma de pão de 10 x 26 cm. Pode-se também fazer dois pães, utilizando-se duas formas de pão de 9 x 20 cm;
5) Todas às vezes que utilizei forma revestida com teflon, as laterais dos pães elaborados sempre queimaram um pouquinho, para o mesmo tempo de forno (ver lateral do último pão da foto que abre esta postagem). Ficar de olho no pão, caso utilize este tipo de forma.